Sincopol parabeniza policiais civis que salvaram bebê engasgado

64

O presidente do Sincopol (Sindicato Regional dos Policiais Civis do Centroeste Paulista), Celso José Pereira, parabeniza os investigadores Gustavo Felipe Morellatto e Sérgio Luís Frigo pelo heroico salvamento de um bebê com aproximadamente um mês de vida que estava prestes a morrer engasgado no último dia 9 de abril no plantão da Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Marília.

O episódio foi amplamente divulgado pela imprensa regional e também nacional e repercutiu inclusive nos canais oficiais da Polícia Civil de São Paulo – site e instagram. A entidade sindical vai reivindicar à Secretaria de Segurança Pública do Estado que inclua o feito nos anais funcionais dos policiais envolvidos, bem como a justa homenagem pelo Palácio dos Bandeirantes e pela Câmara Municipal de Marília.

“Os investigadores Gustavo e Sérgio merecem todas as honrarias pelo atendimento de sucesso sem hesitação de um caso que pode ser considerado incomum para a Polícia Civil. Eles se valeram da coragem e do treinamento que receberam não para investigar e resolver um crime, mas para salvar uma vida inocente”, declarou o presidente do Sincopol.

Ocorrência

Na noite do dia 9 de abril familiares do pequeno Jhon Lucas pararam no plantão policial para pedir ajuda e uma possível escolta até o hospital mais próximo. A criança engasgada estava em companhia do pai, mãe e avó. As câmeras de segurança do prédio filmaram todo o ocorrido.

Gustavo, que estava de plantão e já tinha participado de cursos de primeiros socorros na academia de polícia, acompanhado de seu colega, o investigador Sérgio, viu quando a família entrou desesperada.

Imediatamente, Gustavo tomou a iniciativa e pegou a criança em um dos braços, deitada com o ventre para baixo, cabeça ligeiramente inclinada e pressionou com técnica e cuidado as costas. Em seguida, o bebê expeliu o líquido – provavelmente leite – que o engasgava e voltou a respirar.

Enquanto isso, Sérgio já estava acionando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que chegou momento depois e deu sequência ao atendimento. O bebê foi levado ao Hospital Materno Infantil para avaliação médica.

No dia seguinte a mãe de John Lucas agradeceu aos policiais nas redes sociais e informou que seu filho passa bem.

“Graças a Deus e a esses anjos que salvaram meu filho, ele está bem, já foi atendido e está em casa. Nós passamos lá para agradecer depois e eles não foram encontrados, mas voltarei lá. Que Deus abençoe a vida de vocês grandemente e ao pessoal do Samu. Muito obrigada de coração”, escreveu a mãe.

LEGENDA: Na foto, os investigadores Sérgio Luís Frigo (esquerda) e Gustavo Felipe Morellatto.